Jornal Taperá

Geral

TCE julga irregular contrato da Prefeitura e o São Camilo


o Tribunal de Contas do Estado de São Paulo considerou irregular o contrato entre o município e a instituição Sociedade Beneficente São Camilo, que administra o hospital municipal, no valor superior a R$ 33 milhões.
A Segunda Câmara do TCE entendeu que o contrato firmado em 2016, ainda durante a gestão do ex-prefeito Juvenil Cirelli, também registrou outros cinco aditamentos e uma retificação até o momento.
Dentre os pontos apontados pelo Tribunal de Contas está o atendimento – supostamente irregular – a pacientes de convênios médicos.
A Prefeitura alega que ainda não foi notificada, assim como a São Camilo e o ex-prefeito Juvenil Cirelli.

Publicado em: 26 ago 2018 || Por: Jornal Taperá

Veja outras notícias

<= Voltar à página anterior!

© 2014 - Editora Taperá

Todos os Direitos Reservados